EPARREI IANSÃ!

IA1

Próximo ao seu dia onde a cultuamos, nos envia seus raios e tempestades, mostrando sua Força. Alguns querem lhe mostrar como aquela que faz os humanos se debaterem nas paixões, nas palavras e atos violentos, nas crises de ciúmes, inveja, cólera ou outros arrebatamentos.

Não acredito, Iansã, Força Poderosa, que tragas isso para nosso coração. São apenas nossas múltiplas imperfeições , e sempre queremos arranjar desculpas para nossos repetidos erros, quando alegamos estar sob forças alheias às nossas. Se agimos desta forma insensata, formoso Orixá, é porque ainda estamos no lado escuro de nossa alma, na lama de nossas incorreções, nos espinhos de nosso sofrimento trazidos pela incompreensão e ignorância. Mas acredito, sim, que não nos permite fraqueza alguma, e até nos deixa no chão para aprendermos, até sermos corajosos o suficiente para nos comprometermos a sair do servilismo, da pusilanimidade, dos pensamentos doentios, da apatia e impulsões negativas. E aí, finalmente, estaremos vibrando sintonizados contigo, transformando todas as nossas tempestades pessoais nos raios e trovões que trazem a chuva que purifica.

Creio firmemente que és a guerreira que está ao nosso lado nas horas supremas, és quem nos levanta quando não temos força para prosseguir, quando a dor e nossa própria mediocridade nos cega insuportavelmente.

Acredito que caminhas ao lado de Obaluaiê, e seus falangeiros protegem as tumbas dos chacais, dos ladrões de ectoplasma. Sei que estás no silencio entre os mundos com sua espada, gerando ventos insuperáveis contra as hostes subalternas dos dragões.

És incêndio e és brisa. És movimento constante, és superação. Mas seus filhos verdadeiros aprendem a controlar a explosão, o ímpeto, com o domínio da razão. Adquirem a clareza dos pensamentos e aprendem a sentir verdadeiramente os sentimentos mais profundos.

Eu tenho certeza que estás junto a nós, em todo o seu esplendor, quando seu magnetismo nos faz demonstrar a alegria e o amor pleno, quando percorremos os caminhos da vitória pessoal, na linha reta da evolução.

Iansã, Senhora dos Raios, que segue junto de Xangô, protegei-nos dos maus espíritos, não permita que pessoas mal intencionadas destruam a paz ao meu redor, leve para bem longe, com a força de vossos ventos o confronto inexato, a inveja, o ressentimento e a mágoa. Cubra-nos com sua coragem, proteja-nos com sua espada e nos renove a cada dia, com seu Axé e com sua Luz!

 

Alex de Oxóssi

Rio Bonito – RJ

Sobre Administrador

Eu tento fazer a minha parte para poder divulgar a minha Religião.
Esse post foi publicado em ORIXÁS, UMBANDA e marcado , , . Guardar link permanente.