Plástico que era lixo é aproveitado em tábuas ecológicas

No Rio Grande do Sul, o plástico sai do lixo para substituir a madeira em tábuas ecológicas.

No Rio Grande do Sul, o plástico sai do lixo para substituir a madeira em tábuas ecológicas.

Presunto e queijo fresquinhos, legumes bem armazenados… Tudo isso tem um preço que não aparece na nota do caixa.

A embalagem que conserva o alimento é feita de um material muito difícil de reciclar. Um problema também para o fabricante. Numa indústria de Dois Irmãos, no interior gaúcho, nove toneladas de plástico viravam lixo todos os meses.

“Isso chegou a um volume assustador e nós tivemos que achar uma solução para isso, para pelo menos diminuir esse volume aparente de plástico”, diz o assessor técnico Erich Wendler.

A empresa desenvolveu um processo para fundir os saquinhos. O resíduo foi triturado e derretido; ganhou cor; e o resultado foi matéria sólida e bastante resistente, batizada de “tábua de plástico”.

Mas, o que fazer com pilhas e mais pilhas dessas tábuas?

A preocupação veio parar no laboratório de uma universidade da região. O desafio é descobrir novo usos para a tábua de plástico, e dar valor ao que antes era um problema.

O material foi cortado, furado, medido… E os estudantes do curso de engenharia começaram a criar.

Um apoio para os pés, para funcionários que trabalham com o computador. Aliviou o cansaço e os gastos da universidade.

“Se tivéssemos que comprar pronto, ele seria ou de plástico ou de madeira. E custaria aproximadamente R$ 57 cada apoio de pés”, afirma a professora Jacinta Renner.

O material é usado para lembranças de fim de ano: cadeiras, floreiras de jardim. Uma delas consumiu o equivalente a seis mil sacos plásticos. O banco de madeira está quebrado? O pessoal do laboratório monta outro, com tábua de plástico. Um deles já está em uso há mais de quatro anos.

“Ele não pega cupim, não pega fungo, não apodrece e tem uma durabilidade muito maior que a madeira”, comenta o engenheiro industrial Diego Bayer.

Quando volta para o jardim, o banco está como novo. Só num banco há nove mil embalagens que deixaram de ser jogadas na natureza.

http://jornalnacional.globo.com/Jornalismo/JN/0,,AA1661697-3586-753220,00.html

Sobre Administrador

Eu tento fazer a minha parte para poder divulgar a minha Religião.
Esse post foi publicado em UMBANDA e marcado , , , . Guardar link permanente.

18 respostas para Plástico que era lixo é aproveitado em tábuas ecológicas

  1. Elizabeth disse:

    Gostaria de ter contato com estes 2 irmãos q tiverao esta iniciativa brilhante. Para saber como montar um maquinario destes, qto custa, qual foi o investimento inicial. Pois sou Biologa e tenho um sonho de montar uma empresa de reciclagem. Conto com o apoio e a atençao de vcs.
    Antecipadamente, obrigada!

    RESPOSTA:

    Infelizmente eu não tenho o contato, poderia tentar junto ao Jornal Nacional, ou mesmo a Faculdade, infelizmente nem mesmo o nome da Faculdade eu sei informar.

  2. ernandes disse:

    gostaria de obter o fone para contato com vcs
    pois tenho 01 fabrica de blocos e me interessei pelas tabuas de plastico
    pois acho que me sera util
    por favor entre em contato o mais rapido possivel

    por email ou fone

    fone (———-)

    Obrigada

  3. Joao Carlos disse:

    Gostaria de saber o telefone do fabricante de tabuas de pet reciclado, pois tenho enteresse nesse material.

    RESPOSTA:

    JOÃO..

    Nós infelizmente não temos, esta foi uma reportagem do Jornal Nacional, que eu achei muito interessante e trouxe para cá, nem mesmo o nome da Empresa eu tenho, o que é uma grande pena, pelo visto os empresários já teriam vendido toda a produção, eu mesmo fiquei muito interessado e por esse motivo trouxe a reportagem, caso consiga algo por favor nos avise.

  4. Ricardo Tavares disse:

    Como posso obter esse material?

    Ele elimina gases tóxicos?

    Qual seria seu custo?

    e sua resistência?

    Tal material parece muito promiçor para construção de mobilha, e como material de contrução, mas preciso de mais informações.

    obrigado

    RESPOSTA:

    Caro amigo,

    infelizmente eu só tenho essa matéria e a postei justamente por achar interessante ao meio ambiente, muitos querem saber maiores detalhes sobre o assunto, mas o que sei está postado na matéria.

  5. Carlos Eduardo P de Oliveira disse:

    como posso ter mais contatos sobres esta maquinas e com quem falar para começar a trabalhar neste ramo para uma melhora o nosso meio ambiente.

    obrigado

    RESPOSTA:

    Infelizmente sobre o assunto só temos essa reportagem e nada mais.

  6. katita disse:

    Gostaria de informar a todos que no link http://projetosonho.com/madeira-plastica-surge-uma-esperanca/
    existe um link para se baixar uma palestra de Erkich Wendler o assessor técnico do projeto, elá aparece o nome da universidade que é a Universidade Federal do Rio de Janeiro
    Instituto de Macromoléculas Professora Eloisa Mano
    Interveniente: Krown Indústria e Comércio de Máquinas
    Registrados no INPI 4 marcas:
    IMAWOOD
    IMARBLE
    IMACAR
    IMAPLAC
    Quem não conseguir baixar, pode me mandar um pedido direto pro meu e-mail katiahvc@yahoo.com.br, com o assunto “Pedido-Fabricação da Madeira plástica”.
    Caso alguém tenha mais informações sobre o maquinário, etc, eu tb gostaria de receber.
    Feliz Natale um maravilhoso Ano NOvo.

  7. katita disse:

    Oi gente, mais um link sore o asunto com nome de univesidade, responsáveis, etc.

    http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI1306169-EI298,00.html

  8. katita disse:

    Oi gente, mais um link sore o assunto com nome de univesidade, responsáveis, etc.

    http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI1306169-EI298,00.html

  9. katita disse:

    outro link para o assunto, com muitas indicações:
    http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI1306169-EI298,00.html
    Abraços!

  10. ALBERICO DE CARVALHO SANIAGO disse:

    GOSTARIA DE ME COMUNICAR COM ALGUEM ENVOLVIDO COM O PROJETO TABUA DE PLASTICO , QUERIA O EMAIL DE ALGUEM QUE CONHEÇA ESTE PROCESSO E OS CUSTO PARA MONTAR UMA PEQUENA FABRICA .

    RESPOSTA

    Eu não sei se você percebeu mas existe aqui uns comentários que podem lhe levar a esse contato

  11. Gostaria de saber sobre essa fabrica de tabua de plastico, estou interessado para saber se dar para aproveitar como cercas para fazenda, estou interessado a atiquirir esse material. Se alguem ou mesmo os fabricantes puderem manter contato nos e-mais acima ficarei grato.

  12. Ricardo Arroyo Ghazale disse:

    Sou orquidófilo e gostaria de saber como que faço para adquirir algumas táboas,acredito que serão muito úteis à nossa causa. Grato…..

  13. Eulalia disse:

    Achei muito interessante esta tábua de plástico, gostaria de obter o endereço da fabrica, pois queria cercar meu quintal com essas tábuas.Imperatriz-MA

  14. Débora Dalastra disse:

    Olá..Estou interessada em adquirir as tábua, gostaria de receber algum tipo de informação, telefone,site qualquer contato para compra.
    Obrigada

  15. Eginaldo de Oliveira disse:

    Sou da empresa Pentagonal Ecowood, instalada em Sorocaba/SP, nós industrializamos e comercializamos os perfis de madeira plástica, favor entrar em contato pelo telefone (0xx15) 3242-5634 / 9723-1601 ou pelo e-mail: eginaldo.ecowood@yahoo.com.br que enviaremos uma mala direta do produto

  16. Catiane Cristina Bif disse:

    gostariaa de mais detalhes como se faz a tabua plastica …
    Pois estou juntamente cm a turma do curso de Rotinas Administrativas desenvolvendo uma exposição sobre o mesmo …

  17. Mônica disse:

    Para quem tem interesse em Madeira Plástica, segue contato de um fábrica no RJ:

    http://www.ecowoodrio.com.br/index.htm

    Av. Calombé 4045 – Duque de Caxias
    Rio de Janeiro – Cep: 25240-130
    Tel: (21) – 3656-3934 ou 3656-3887

  18. Andressa DB disse:

    Prezados,

    Sou Engenheria de materiais,m atuando há mais de 10 anos na transformação e processamento de diferentes plásticos. Trabalhei inclusive há muitos anos no que acredito ser os primeiros protótipos de plástico madeira aplicáveis… Gostaria de fazer contato com potenciais empreendeores / investidores, pois tenho projeto viável para implementação de uma fábrica em um pólo de plásticos no sul do país (SC)… Deixo meu e-mail para contato: abanks@ig.com.br

Os comentários estão encerrados.