Em minhas Mãos

Tenho nas minhas mãos, dois caminhos duas decisões,

Mesmo quando tudo parece desabar cabe a mim decidir,

Entre rir ou chorar,

Entre ir ou ficar,

Entre desistir ou continuar…

Se o mar está revolto,

Posso ficar na praia ou sair para pescar,

E talvez nunca mais voltar…

Tenho nas minhas mãos o bem e o mal,

E entre eles, pensamentos que me cabe tomar,

Um diz para fazer sem culpa,

O outro sugere, reflete, e pede para esperar…

Enquanto no mundo acontece tantos enganos,

Posso me manter sereno,

Porque a Chave da Vida está em minhas mãos…

Então, hoje me sinto mais forte,

Pois atravessei desertos na alma,

Amei quem não me amou,

E deixei de lado quem muito me amava…

Atravessei caminhos nem sempre floridos,

Que deixaram marcas profundas em mim,

Mas cada um deles foi importante

Pois acrescentaram algo no fim…

Por isso, tenho em minhas mãos,

Bem mais que a Vida,

Tenho…

A Confiança ou a dúvida,

A Esperança ou o medo,

A Vontade ou a apatia,

O Empenho ou o desânimo…

Talvez eu erre,

Sem contudo desanimar,

Talvez eu acerte,

Nem por isso vou me gabar…

Descobri que no caminho incerto da Vida,

O mais importante é continuar,

E a cada passo que por Ela dou,

Simplesmente tento melhorar…

Autor: Paulo Roberto Gaefke

Sobre Administrador

Eu tento fazer a minha parte para poder divulgar a minha Religião.
Esse post foi publicado em UMBANDA. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s